quarta-feira, 19 de maio de 2010

ENTREVISTA ESPECIAL: YURI PINHEIRO (TELAVIV)


Yuri Pinheiro é um exímio guitarrista paraense e faz parte de uma das bandas de Thrash/Death Metal mais impressionantes do Brasil, Telaviv. Agora, ele conta toda a sua trajetória dele e da banda nessa entrevista exclusiva. Além dele, Bruno Souza (voz), Wágner Nugoli (bateria), Vinícius "Gordo" (guitarra) e João Felipe (baixo) também são músicos da Telaviv.

Para conhecer a banda Telaviv:

#Twitter#
http://www.twitter.com/telavivmetal

#Myspace#
http://www.myspace.com/telavivmetal

#Fotolog# http://www.fotolog.com/metaltelaviv

#Colaboradores#
http://www.metalmilitia.com.br

Como e quando você começou a se interessar por música? Sobretudo Heavy Metal?
Comecei na música por influência da minha família. Meu pai já tocou violão, bateria, sax e tenho uma tia cantora. O interesse veio por volta dos 12 anos, mas só com uns 14 que vieram os primeiros sons mais "heavy" (hehehehe... )

Quais foram as tuas primeiras experiências tocando em bandas?
Minhas primeiras experiências foram com bandas covers de sons variados dentro do rock n' roll mais "pop". Antes de começar a tocar som autoral (Metal), passei um bom tempo tocando só cover.

A banda Telaviv já está sendo considerada como promissora no mercado local. Quais são as perspectivas para o mercado paraense, nacional e gringo?
No momento estamos em fase de pré produção do nosso primeiro álbum ainda sem título contendo 10 faixas. Algumas inéditas e outras já conhecidas pelo público, mas com roupagens novas. Pretendemos fazer um show de lançamento aqui na cidade, trabalhar um pouco o cd daqui mesmo pra mais tarde nos mudarmos pra São Paulo. Dé lá que vamos tentar fazer a banda acontecer e quem sabe até conquistar voos mais altos como tocar fora do país.

Banda Telaviv - por Alexandre Nogueira

Qual é a sua opinião sobre a cena da música independente daqui e do Brasil?
A cena de Belém e do País são muito completas. Tem todo o tipo de música pra todos os gostos. Isso é o mais importante. Música boa, de qualidade e bem feita é o que não falta. As bandas estão buscando cada vez mais qualidade e profissionalismo em seus trabalhos. Não perdem em nada paras as "grandes".

2 comentários:

Bruno disse...

Pow, isso ae ta completamente errado. o Luis não é mais baixista da banda e sim o João Felipe! Viajou hein.

Jayme disse...

telaviv realmente é uma das bandas mais promissoras do nosso cenário. Se forem mesmo pra sampa, será um grande representante da cena lá fora e que não deverá as bandas de lá.